Jucá pede desculpas a Dilma e Temer por besteira do irmão

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), desculpou-se nesta segunda-feira com a presidente Dilma Rousseff e o vice-presidente Michel Temer pelas acusações lançadas por seu irmão, Oscar Jucá Neto, sobre a gestão do ministro da Agricultura, Wagner Rossi. A conversa de Jucá com Dilma e Temer aconteceu no final da reunião de coordenação, no Palácio do Planalto. De qualquer forma, a presidente comunicou ao líder governista que havia determinado que Rossi averiguasse os fatos denunciados por Jucá Neto, de que haveria um esquema de corrupção e cobrança de propina no Ministério da Agricultura. “Pedi desculpas por esse absurdo todo. Meu irmão agiu errado e sou solidário ao ministro Wagner Rossi. Estou no meio dessa confusão apenas por ser parente. Até agora não sei porque ele fez isso. Minha posição é clara, considero que ele agiu equivocadamente. Mas não tenho culpa de meu irmão ter falado besteira”, contou Jucá. Jucá Neto fez as denúncias após ter sido demitido da diretoria financeira da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A demissão foi determinada depois que o irmão do líder do governo autorizou o pagamento de R$ 8 milhões a um armazém em nome de laranjas. Da Agência O Globo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s